Por Dionatan Zibetti

Adelir de Carli tentava bater recorde voando 20 horas consecutivas. Equipes de resgate fizeram contato com ele pouco antes da queda.

Equipes do Corpo de Bombeiros começaram, na noite deste domingo (20), as buscas pelo padre Adelir de Carli, que tentava bater um recorde voando pendurado em balões de festa, no sul do Brasil.

De acordo com o Corpo de Bombeiros de Santa Catarina, ele saiu pela manhã de Paranaguá, no Paraná, com o objetivo de ficar 20 horas no céu. No entanto, o mau tempo o teria levado em direção ao mar, causado a queda dos balões perto de São Francisco do Sul.

Pouco antes da queda, equipes de resgate fizeram contato, via celular, com Adelir, que chegou a ficar a mais de 50 Km da costa.

Neste momento, barcos da Capitania dos Portos vasculham o Litoral Norte de Santa Catarina.

Fonte G1

Anúncios

Comentários em: "Padre que voava pendurado em balões desaparece no litoral de SC" (2)

  1. PADRE JUMENTO

  2. Marcos disse:

    Atos como esse devem ser punidos com prisao por perturbação da ordem.Sabem quanto custa três dias de aluguel de um aviãzinho(dos mais simples) no Brasil?em torno de R$30.000,olhem só o monte de gente mobolizada pra achar esse idiota.Devem ter gastos mais de 1 milhão pois tinhamos helicópteros,aviões da força aérea.Pois é,esse dinheiro poderia ter sido melhor aplicado pra amenizar o sofrimento de muitos brasileiros,mas não,por uma irresponsabilidade de um palhaço ainda vêmos isso,e vc`s já sabem quem paga por isso tudo,né?!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: