Por Dionatan Zibetti

Bom, depois de tanto esperar pelo lançamento de Narnia no Brasil, por causa da correria desse nosso mundo moderno somente hoje pude ter o prazer em assisti-lo.

O filme faz uma analogia muito clara com as histórias bíblicas e principalmente com a vida de Cristo. Até mesmo as pessoas menos religiosas serão capazes de identificar as falas dos personagens e as cenas que são quase réplicas dos acontecimentos bíblicos.

O que mais me impressionou foi que somente a menina mais nova acreditava que Aslam (representa o Leão de Judá) ainda estava vivo. Ela era a única que tinha esperança e em alguns momentos pode vê-lo.

No desenrolar da história, enquanto se decidia a melhor maneira de vencer a batalha contra o rei mau, chegaram a apenas duas opções: Morrer na floresta ou no castelo. Eles tinham um numero muito pequeno de pessoas para derrotar um exercito comandado pelo rei que tomou o lugar que era do príncipe Caspian e a menina estava inconformada com isso, pois ela sabia que eles poderiam pedir ajuda à Aslam.

Decidiram então invadir o castelo por conta própria, com sua própria sabedoria e forças e o resultado foi um fracasso total e tiveram que recuar.

No final do filme resolveram pedir para a menina ir atrás de Aslam em busca de ajuda. Nunca vou esquecer a cena do reencontro. A menina disse ao leão: – Eu sabia que poderia te encontrar, mas os outros não acreditaram em mim. E o leão respondeu: – E por que você não me procurou mesmo assim.

Muitas vezes em nossa vida, nos deparamos com este mesmo tipo de situação. Enfrentamos nossos problemas e dificuldades com todas as nossas forças. Pessoas ao nosso lado dizem que estamos sozinhos e acabamos concordando com elas e esquecendo que Deus sempre estará por perto para nos ajudar e nos garantir a vitória.

Um filme mais do que recomendado. Não pela produção, que teve suas falhas e criticas, mas pela lição que ele pode passar para as nossas vidas.

É claro que o filme não se baseia somente nessas passagens que citei, mas há muitas outras, as quais deixarei para que vocês descubram assistindo Nárnia – Príncipe Caspian.

Abraço a todos

Dionatan

VEJA AINDA:

12 Lições espirituais de “As Crônicas de Nárnia: Príncipe Caspian”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: